21/11/2010

O Politicamente correto enche o saco

Esse negócio de querer proibir qualquer coisa que se fale sobre algo tá enchendo o saco. Sou absolutamente contra qualquer tipo de preconceito ou estereótipo. Mas quero manter o direito de emitir minhas opiniões, sem necessariamente isso representar um ato de violência. Em nome do politicamente correto parece que é proibido achar algo feio, esquisito, bizarro...etc.
Essa discussão começou porque na tv estava passando mais um desses clips em que um negão americano tá num carro de luxo, cheio de mulheres gostosas alisando ele, e ele falando alguma coisa que por aí chamam de música. Minha frase foi: " Quando esses caras de hip hop vão aprender a fazer algum clip mais criativo, deixando de falar que são discrimanados, ou que a gostosa deixou ele porque ele era pobre...enfim..?". Pronto. O pau comeu!
Desde quando sou obrigado a gostar desse tipo de clip? Só por que tem um negão que se diz cantor tenho que, em nome do politicamente correto, achar bacana? Me economizem. Respeito todos os gostos, mas isso não me obriga a mudar o meu.

Entre os Negros e homossexuais há alguns que  fazem coisas feias sim, e as vezes de mau gosto. Assim como há entre outras raças e outras pessoas de postura sexual diferenciada. Está na hora de alguns deles pararem de sustentar seu pouco talento na muleta do politicamente correto, afirmando que as críticas representam preconceito.
Tô de saco cheio disso.

18/11/2010

Certas coisas....

Certas coisas não precisam ser ditas
Basta apenas que fiquem conosco
São aqueles segredos que só  a gente conhece.

Segredos são só nossos
Ficam na nosa cabeça e´podem até se transformar em sorriso
e é melhor que se transformem mesmo.
coisa que se outros soubessem nos chamariam de doidos

São inomináveis
inconfessáveis
são desejos
são sonhos
são planos
são bons
são ruins
podem ser qualquer coisa
são só nossos mesmo....

E assim se vive
dando uma risadinha quando aquele pensamento maluco vem...deixa vir...ninguém vai saber.

08/11/2010

Shortlist Big Idea Chair 2010 - Case: Doe Palavras

EM TEMPOS DE DIETA, PRATOS DIFERENTES.

Não quero ser nenhum expert. Mas em tempos de dieta, é preciso criar algo que seja atrativo. A vontade é de comer massas e carnes a toda refeição. Já que é pra se cuidar um pouquinho tem que fazer algo bonitinho.
Eis a janta de hoje.

A farofinha que tem em cima das frutas é de castanha do pará e amêndoas.

06/11/2010

Pelo jeito o dia está nostálgico.

video
Num mesmo dia:
um ferro esquisito entra no pneu do carro.
duas horas depois uma pá sai voando de um caminhão e vem em direção ao meu carro.
em seguida fico preso junto a uma perseguição policial na rodovia com o motorista do caminhão ladrão fazendo barbaridades.
Juro que me senti no filme Premonição.